Empresa rejeita calendário dos trabalhadores

Junto com a entrega da pauta de reivindicação no dia 31.08, os petroleiros através da FUP e seus sindicatos propuseram as datas aprovadas em assembléias para início de negociação.

As datas aprovadas foram:

Dia 10/09 Benefícios – Capítulo III

Dia 15/09 Condições de trabalho, planejamento, recrutamento de pessoal – Capítulos V, X, XI

Dia 17/09 – Terceirização

Dia 22/09 – Salários, vantagens e vigência – Capítulos I, II e XI; Relações sindicais e segurança no emprego – Capítulos IV e IX.

A empresa rejeitou a proposta da categoria e apresentou um calendário para primeira rodada de negociação entre os dias 22 e 25 de setembro.

O importante do calendário da categoria é dar tempo para o debate entre as bases e as direções sindicais no intervalo de cada mesa de negociação.

Diferentemente disso o calendário proposto pela empresa concentra as datas e dificulta o debate entre os trabalhadores e seus representantes, e alguém tem dúvida de que era isso que ele queria?

Anúncios

1 Response to “Empresa rejeita calendário dos trabalhadores”


  1. 1 Alexandre Alves setembro 3, 2009 às 2:17 pm

    Importante colocar que a FUP também rejeitou o calendário da empresa.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





 

Este é um espaço reservado para denúncias de práticas antissindicais, assédios e ataques a direitos.

JP no Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Estatísticas

  • 153,611 hits

%d blogueiros gostam disto: