Cuba supera EUA e tem a menor taxa de mortalidade infantil da América

O índice de mortalidade infantil de Cuba neste ano registrou uma marca de 4,9 bebês a cada mil nascidos, a menor de todo o continente americano, incluindo Canadá e Estados Unidos, informou um relatório divulgado hoje.

Dados do Ministério de Saúde Pública de Cuba, que foram publicados pela imprensa local nesta terça-feira (3), ainda divulgaram que a região de Las Tunas, no leste do país, registrou 3,5 mortes a cada mil.

“Nos últimos quatro anos, Cuba alcançou cifras inferiores a 5 na taxa de mortalidade infantil, a mais baixa das Américas, junto ao Canadá”, publicou o jornal Granma. Em 2010, no entanto, os dois países apresentaram uma taxa de mortalidade de 5,9.

Segundo a publicação cubana, esse êxito se dá graças “à política sanitária do governo revolucionário, que garante a igualdade no que diz respeito ao acesso aos serviços assistenciais que são oferecidos a mãe à criança”.

Informações do jornal ainda apontam que houve cerca de 133 mil nascimentos nos país durante 2011, uma cifra que supera a registrada no ano anterior em 5.317 crianças.

Fonte: Ansa Latina

0 Responses to “Cuba supera EUA e tem a menor taxa de mortalidade infantil da América”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





 

Este é um espaço reservado para denúncias de práticas antissindicais, assédios e ataques a direitos.

JP no Twitter

Estatísticas

  • 142,561 hits

%d blogueiros gostam disto: