A Necessidade do Sindicato, por Bertold Brecht

Mas quem é o sindicato?
Ele fica sentado em sua casa com o telefone?
Seus pensamentos são secretos, suas decisões desconhecidas?
Quem é ele?
Você, eu, vocês, nós todos.
Ele veste a sua roupa, companheiro, e pensa com a sua cabeça.
Onde more é a casa dele, e quando você é atacado, ele luta.
Mostre-nos o caminho que devemos seguir e, nós seguiremos com você.
Mas não siga sem nós o caminho correto.
Ele é sem nós o mais errado.
Não se afaste de nós.
Podemos errar e você ter razão, portanto não se afaste de nós!
Que o caminho curto é melhor do que o longo, ninguém nega.
Mas quando alguém o conhece e não é capaz de mostrá-lo a nós,
de que serve a sua sabedoria?
Seja sábio conosco!
Não se afaste de nós!

Bertold Brecht foi poeta, teatrólogo e dramaturgo que lutava pela emancipação social da humanidade. Nasceu em 1898 na Alemanha e morreu em 1956. Era filiado ao Partido Comunista Independente e se contrapôs ao autoritarismo e violência do governo soviético comando por Stalin. Suas peças, poesias e demais obra literária formam um dos maiores legados do século XX por expressarem as lutas, os protestos, a rebeldia e os ideais dos cidadãos comuns que viveram um dos momentos mais ricos da história da humanidade.

Anúncios

3 Responses to “A Necessidade do Sindicato, por Bertold Brecht”


  1. 1 Arquidones Bites Leão Leite fevereiro 6, 2012 às 1:14 pm

    Estamos em greve dos trabalhadores da educação em Goiás.
    Alguns e algumas colegas querem culpar o sindicato pelas dificuldade que vivendo.
    Vou usar o poema para fazer uma reflexão com as mesmas.
    Professor Arquidones Bites Leão Leite

  2. 2 Alexandre outubro 26, 2011 às 4:53 pm

    É isso aí! Não é “Petrobras”, é PETROBRÁS!

  3. 3 Alexandre outubro 26, 2011 às 4:52 pm

    Desde jovem, aprendi com esse poema e através das dores e alegrias das lutas coletivas que o “sindicato somos nós”. Abraço coletivo!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





 

Este é um espaço reservado para denúncias de práticas antissindicais, assédios e ataques a direitos.

JP no Twitter

Estatísticas

  • 146,088 hits

%d blogueiros gostam disto: