Arquivo de junho \22\UTC 2011

A predominância das plataformas petrolíferas estrangeiras

Da Folha

90% das plataformas de petróleo ainda são compradas no exterior

Falta de componentes nacionais e valorização do real tornam produto importado mais barato

Nos últimos quatro anos foram encomendadas 22 plataformas; dessas, só 3 serão totalmente construídas no Brasil

LEILA COIMBRA
DO RIO

A revitalização da indústria naval brasileira e o anúncio da entrada em operação de pelo menos 13 novos estaleiros no Brasil ainda não são suficientes para que as plataformas de petróleo sejam inteiramente fabricadas aqui.

Nos últimos quatro anos foram encomendadas 22 plataformas de produção de petróleo, em sua grande maioria pela Petrobras. Dessas, só 3 estão sendo integralmente construídas no Brasil, segundo o Sinaval (Sindicato Nacional da Indústria da Construção e Reparação Naval): a P-51, a P-55 e a P-56.

Dentre os gargalos enfrentados pela indústria local estão a falta de componentes nacionais e a sobrevalorização do real, que torna o produto importado mais barato.

As plataformas que atuam em grandes profundidades são na maioria navios petroleiros adaptados para produzir petróleo. E é mais fácil, rápido e barato encontrar no exterior esse tipo de embarcação, em sua maioria navios desativados, sem a necessidade de grande espera.

Nas duas últimas décadas, enquanto a indústria brasileira ficou paralisada, países como Coreia do Sul, China e Cingapura desenvolveram suas indústrias navais investindo em tecnologia e dando subsídios estatais ao setor.

Um empresário da área que atua no Brasil diz que a indústria brasileira ainda é pequena e não existe um plano de governo para desenvolvê-la, apesar das grandes descobertas de petróleo.

Ele diz que existem boas notícias no setor, como a projeção de demanda por sondas e plataformas nos próximos dez anos, pelo menos, o que não existia no Brasil há pouco tempo.

Mas falta uma política de financiamento. Hoje, o BNDES, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil são repassadores do Fundo da Marinha Mercante, mas não há recursos suficientes e há excesso de burocracia.

PETROBRAS

Outro executivo do setor diz que esse processo de revitalização se deve em grande parte à Petrobras, cujo plano de investimentos para os próximos quatro anos prevê US$ 224 bilhões -média de US$ 44,8 bilhões por ano.

Mesmo assim, a maioria das plataformas encomendadas pela estatal será total ou parcialmente fabricada e montada no exterior.

A OGX, braço do setor de óleo e gás do grupo EBX, controlado pelo empresário Eike Batista, está contratando quatro plataformas no exterior, mesmo contando com uma empresa do setor naval dentro do grupo, a OSX.

Como a OSX ainda não tem um estaleiro funcionando, as plataformas serão construídas em Cingapura. Mas, segundo a empresa, apenas as primeiras unidades serão contratadas fora do país.

A demanda total da OGX será de 48 plataformas até 2019, das quais 90% serão produzidas em território nacional, no estaleiro que está sendo construído pela OSX, segundo a empresa.

Blogueiro é assassinado no RN

Por Rogério Tomaz Jr., no blog Conexão Brasília-Maranhão:

Durante o 2º Encontro Nacional de Blogueir@s Progressistas tomei conhecimento de um caso surreal de assassinato com possível motivação política.

Enquanto ouvia o relato do episódio, passou pela minha cabeça a possibilidade de eu estar dormindo e que a história não passava de uma crônica policialesca no meio do sonho.

A realidade é mais crua, entretanto.

Ednaldo Filgueira, 36 anos, presidente do PT municipal de Serra do Mel, colaborador do blog Serra do Mel (http://www.serradomel-rn.com) e jornalista comunitário, foi assassinado na noite da última quarta-feira (15), ao receber seis tiros de homens não identificados.

Segundo me disse o Thiago Aguiar – blogueiro potiguar que contou o caso (e gravou em vídeo para o Blog da Dilma) –, Ednaldo havia publicado no blog uma enquete perguntando à população se era possível acreditar na prestação de contas da prefeitura.

Na manhã do crime, o blogueiro recebeu ligações anônimas com ameaças por conta da enquete, que foi prontamente retirada do site.

Não foi suficiente. No final do dia aconteceu o crime que tornaria aquele o último dia da vida de Ednaldo.

A violência associada à política no interior do Brasil (não apenas do Norte/Nordeste, vale dizer) persiste por inúmeros e complexos motivos, mas a impunidade contribui muito para perpetuar tal situação.

Serra do Mel é um pequeno município criado em 1988 e situado próximo a Mossoró, cidade famosa por ser uma concorrida estância hidrotermal.

O prefeito se chama Josivan Bibiano de Azevedo e é do PSDB.

O caso – que não ganhou qualquer destaque na imprensa do RN – merece repercussão ampla na blogosfera e, quiçá, na grande mídia nacional que diz defender a liberdade de expressão. Para que os responsáveis pelo crime possam ser encontrados e punidos. E, também, para que o assassinato de blogueiros não vire moda.

Rio Grande do Norte é plutocracia

Ao contrário do que acredita a maioria, que logo pensa em Maranhão e Sarney quando o assunto é atraso político, o Rio Grande do Norte, é o estado onde reina a oligarquia mais longeva do Brasil.

A oligarquia potiguar, entretanto, não está assentada em apenas um grupo familiar. São três famílias tradicionais que dominam não apenas o Executivo, mas também o Legislativo em âmbito municipal, regional/estadual e federal. Além disso, exercem grande influência no Judiciário, controlam a economia e a quase totalidade dos grandes meios de comunicação no estado.

Os clãs Alves, Maia e Rosado repartem o poder no Rio Grande do Norte desde a primeira metade do século XX. Destes grupos saíram ramificações, como a família Faria, que alternam alianças entre os três esquemas principais.

É um exemplo quase perfeito de uma plutocracia.

Dois fatos me dão esperança de mudança nesse cenário em médio prazo: a recente e vitoriosa ocupação da Câmara de Vereadores do Natal (o movimento “Fora Micarla”) e a visibilidade crescente da atuação de Fátima Bezerra, deputada federal do PT que preside a Comissão de Educação da Câmara em 2011.

Acompanharei o caso e publicarei mais notícias à medida que surjam novidades.

PS: Durante o Encontro de Blogueir@s Progressistas, fizemos uma homenagem a Ednaldo com uma salva de palmas, na mesa da manhã de sábado.

***

Para saber mais sobre as três famílias que compõem a oligarquia do Rio Grande do Norte, leia a excelente matéria de Edson Sardinha e Renata Camargo, do Congresso em Foco (clique aqui) sobre o assunto.

Para saber mais sobre o Fora Micarla e a ocupação da Câmara de Natal, leia o blog do Daniel Dantas (nenhuma relação com o banqueiro criminoso), um dos protagonistas do movimento:

http://deolhonodiscurso.wordpress.com

II Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas reafirma força da blogosfera

Na noite de sexta-feira, 17, cerca de 500 blogueiros de 21 estados lotaram o auditório da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio para o inicio do II Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas, realizado em Brasília.  Diferente da primeira edição, quando o eixo central dos debates foi focado na campanha eleitoral presidencial, desta vez, os blogueiros discutiram diversas formas de continuar a luta e o debate por um novo marco regulatório de comunicação que acabe com o oligopólio midiático existente no Brasil e pela efetivação do Plano Nacional de Banda Larga.

Na abertura festiva do encontro, o ex – presidente Lula foi o aplaudido pela maioria, que como convidado mais esperado, parabenizou aos blogueiros pelo contraponto à velha mídia na última campanha eleitoral. “Os blogueiros tiveram um papel extraordinário, mostraram que o povo não precisa mais de intermediário mais na comunicação.” O ex- presidente também criticou o papel dos falsos formadores de opinião e cobrou que a discussão sobre um novo marco regulatório dos setores de comunicação continue em andamento.

Em seguida, o Ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, ocupou o lugar de Lula na mesa de debates, e falou sobre a importância e o desenvolvimento do Plano Nacional de Banda Larga. O ministro também disse que os meios de comunicação precisam saber “ouvir críticas”, cobrou a aprovação de lei pelo Congresso que estabeleça o direito de resposta e disse estar finalizando o debate da nova regulamentação. Após o recado direto, recebido pelo ex-presidente, de que “a gente não pode ter medo do debate”, o ministro deparou-se com perguntas como se o governo tem ou não a intenção de propor ao Congresso Nacional um projeto de lei que figure a proibição da “propriedade cruzada” de meios de comunicação, assim como fizeram os governos da Argentina, Bolívia, Equador e Venezuela. No entanto,o ministro respondeu evasivamente, deixando uma verdadeira interrogação no ar.

Na manhã de sábado, houve um debate caloroso entre o jurista Fábio Konder Comparato, o professor Venício Lima e da deputada Luíza Erundina, que arrancou aplausos, ao demonstrar sua imensa lucidez e capacidade de luta pela minoria.

Na parte da tarde, os blogueiros se dividiram ao participar de um importante debate com representantes de partidos políticos e blogueiros como o ex-ministro da Casa Cívil, José Dirceu, o ex-deputado, Brizola Neto e o deputado João Arruda, do PMDB. Paralelamente, ocorreram 10 oficinas para tratar de variados temas, reuniões de grupo e a plenária final do encontro.

O encontro mobilizou na web mais de mil internautas durante os três dias de transmissão pela TVT e pela Rede Brasil Atual. O evento também ocupou por dois dias o topo do Trending Topics do Twitter. Até mesmo o presidente recém eleito no Peru, Ollanta Humala, enviou uma saudação ao evento, via Twitter.

Na opinião do jornalista. Blogueiro e membro da Comissão Organizadora do evento, Altamiro Borges, o encontro aprovou um plano de ação que permite o fortalecimento do movimento. Ele está centrado na luta pela democratização dos meios de comunicação no Brasil – na luta por um novo marco regulatório do setor, pela implantação do Plano Nacional de Banda Larga e contra qualquer tipo de censura na rede. Ele garante a autonomia da blogosfera, que faz o combate às manipulações da mídia golpista, mas que também critica e pressiona o governo – não tem nada de chapa-branca.

COBERTURA DO PIG

Para um encontro de “blogueiros sujos”, como foram intitulados pelo tucano José Serra, o evento teve grande cobertura do PIG. Antes do encontro, devido a certa desconfiança de que autoridades e “celebridades políticas” estariam presentes, nenhum veículo noticiou, mas diante da presença do ex-presidente Lula, o governador de Brasília, deputados e ministros, os “deturpadores de opinião” tiveram um verdadeiro choque com a dimensão e a qualidade dos debates. Como não poderia ser diferente, a cobertura não foi imparcial, tampouco, otimista. Os integrantes da imprensa que continua acreditando que pode esconder, deturpar ou vetar alguma coisa, tratou o II Encontro Nacional de Blogueiros como palco de políticos, menosprezando a força da blogosfera, que hoje, prova a sua grande potencialidade na disputa pela hegemonia da comunicação.

Jornais como O Globo, Folha de São Paulo, e Estadão tentaram caracterizar como ilegal o patrocínio que algumas empresas de economia mista, empresas privadas e sindicatos, pessoas físicas e até o governo do Distrito Federal  deram ao Centro de Estudos de Mídia Alternativa Barão de Itararé, entidade sem fins lucrativos, que organiza os encontros.

Abaixo, é possível constatar o tom que a imprensa ligada ao PSDB e ao DEM tratou o II Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas:

FOLHA DE SÃO PAULO

20 de junho de 2011

Blogueiros “progressistas” pedem novo marco regulatório da mídia

DE BRASÍLIA – Uma carta aberta redigida por blogueiros que participaram de um encontro em Brasília pede novo marco regulatório dos meios de comunicação (conjunto de leis e diretrizes que regulam o funcionamento do setor) e faz ataques à mídia.

O evento, patrocinado por Petrobras, Fundação Banco do Brasil, Itaipu Binacional e governo do Distrito Federal, terminou ontem, em Brasília, e contou com a presença de cerca de 400 pessoas que apoiaram o governo Lula e a eleição de Dilma Rousseff.

“É a blogosfera que tem garantido de fato maior pluralidade e diversidade informativas”, diz trecho da carta.

Blogueiros pedem divulgação imediata do projeto redigido pelo ex-ministro Franklin Martins (Secretaria de Comunicação Social na gestão Lula), ainda não tornado público.

A abertura contou com a participação de Lula e do ministro Paulo Bernardo (Comunicações). Lula criticou o papel de “falsos formadores de opinião”, e Bernardo disse que os meios de comunicação precisam saber “ouvir críticas”.

—–

O Estado de São Paulo

18 de junho de 2011

Dirceu convoca blogueiros contra ‘grande mídia’

‘É reserva de mercado, não querem nos dar o direito de informar’, disse o ex-ministro

Andrea Jubé Vianna – O Estado de S. Paulo

Ao participar do Segundo Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas, o ex-ministro José Dirceu convocou os blogueiros a se mobilizarem e somarem forças para o embate contra os grandes veículos de comunicação. De acordo com o ex-ministro – que se considera “o grande alvo da mídia” nos últimos dez anos –, existe uma “disputa política do direito de informar” e uma disputa comercial pela verba publicitária do governo.

“É reserva de mercado, não querem nos dar o direito de informar, querem desqualificar os blogs”, afirmou Dirceu a um auditório lotado por cerca de 200 blogueiros. Dirceu defendeu a urgente regulamentação dos meios de comunicação, a concretização do programa nacional de banda larga e a aprovação do projeto de lei 116/10, que institui novas regras para o mercado de tevê por assinatura.

“É uma vergonha que isso (a regulamentação) não seja realidade. Não é de interesse de alguns grupos (de comunicação) que estão sendo contra o progresso, eles querem manter o monopólio da informação”, criticou. Ele ainda desafiou o Congresso a aprovar a nova lei. “Se o Poder Legislativo é soberano e autônomo, ele fará a reforma (dos meios de comunicação)”.

Num tom que lembrava o ex-líder estudantil que lutou contra a ditadura militar, Dirceu prometeu unir-se aos blogueiros no embate contra os grandes meios de comunicação. “Se não travarmos essa batalha, ela não será travada. É hora de dar um grande salto, partir pra mobilização. Estou disposto a travar essa luta junto com vocês”.

—–

BLOG DA PETROBRÁS SE MANIFESTA

Resposta da Petrobrás ao jornal Folha de São Paulo

Pergunta: Qual o valor do patrocínio ao 2º Congresso Nacional dos Blogueiros Progressistas, que acontece de 17 a 19/06/2011, no Centro de Convenções da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio, em Brasília? Por que a Petrobras está patrocinando o congresso?

Resposta: A Petrobras patrocina o evento em função da importância crescente das novas plataformas digitais de comunicação, que estão inseridas na estratégia de comunicação global da Companhia como importante instrumento de suporte aos seus objetivos de branding e negócios. Por isso, a Petrobras mantém um blog e está se inserindo nas Redes Sociais. Além disso, o evento promoverá aumento da percepção positiva da imagem empresarial, visibilidade da marca, o estímulo ao relacionamento positivo com a sociedade e o rejuvenescimento da marca.

—–

Em primeiro lugar, há que esclarecer o que a imprensa oposicionista tenta distorcer: empresas de economia mista como a Petrobrás ou até mesmo governos de todos os níveis (federal, estadual e municipal) financiam eventos análogos. Empresários têm eventos financiados, total ou parcialmente, todo o tempo.

No caso da imprensa que se autodeclara “oposicionista”, o financiamento vai à casa das centenas de milhões de reais. Em sua “defesa”, essa imprensa diz que todo esse dinheiro se deve à sua audiência.

Se assim for, posso garantir que o financiamento público e privado ao evento dos blogueiros em Brasília é mais do que justo porque não temos, todos juntos, muito menos audiência do que uma Folha, se não tivermos mais audiência.

A matéria desse jornal que este texto reproduz, portanto, resume-se ao exercício de oposicionismo rasteiro e inconseqüente que levou à derrota eleitoral, entre tantas outras, também as pessoas que você vê na foto no alto deste texto.

PRÓXIMOS ENCONTROS JÁ ESTÃO DEFINIDOS

O próximo Encontro Nacional de Blogueiros será na capital baiana, Salvador (BA), em maio de 2012. Na plenária final do evento, também foi deliberada a realização de um encontro internacional de blogueiros, decisão ousada, que será concretizada na cidade de Foz do Iguaçu (PR), no próximo mês de setembro. A decisão dos blogueiros progressistas trata-se de uma internacionalização de um movimento que não para de ganhar forças no país, não somente pelo grande apoio e pela presença de ministros e deputados, mas pela organização dos integrantes e, e do Centro de Estudos de Mídia Alternativa Barão de Itararé, liderada por jornalistas e ativistas engajados na luta pela real democratização da comunicação.

Além disso, também houve encaminhamentos e propostas que a blogosfera sintetizou numa carta compromisso. Os blogueiros progressistas põem em primeiro plano o marco regulatório dos meios de comunicação, o Plano Nacional de Banda Larga (PNBL), o combate à censura e a aprovação do marco civil da internet e o fortalecimento da blogosfera.

Morre mais um trabalhador terceirizado

A insegurança fez mais uma vítima no Sistema Petrobrás. O trabalhador terceirizado, Gutemberg Lima de Oliveira, 45 anos, foi atingido no peito por uma tubulação de oito polegadas, quando realizava um serviço de substituição de dutos no ativo de produção Norte, em Araçás, na Bahia. O acidente ocorreu no sábado, 11, pela manhã. Gutemberg trabalhava para a empreiteira GDK e morreu a caminho do hospital para onde foi levado no município de Alagoinhas. Ele foi sepultado no domingo, 12.

Este foi o segundo acidente fatal ocorrido na Bahia este ano. Em abril, um trabalhador da Fafen também perdeu a vida a serviço da Petrobrás. Ao todo, três trabalhadores morreram este ano em acidentes na empresa. Todos eram terceirizados. A política de insegurança que os gestores da empresa teimam em perpetuar já fez 292 vítimas desde 1995. Mais de 80% dos acidentes foram com trabalhadores terceirizados.

Petrobrás apresenta proposta para quitação da PLR 2010

A Petrobrás apresentou nesta quinta-feira, 09, sua proposta para quitação da PLR referente ao exercício 2010. A proposta segue os mesmos critérios do ano passado. A empresa propõe piso de R$ 15.500,00 para os trabalhadores posicionados até o nível 457-A da tabela salarial, acrescido de um valor fixo de R$ 2.700,00. No ano passado, a proposta da Petrobrás foi de piso de R$ 14.500,00 mais um valor fixo de R$ 2.500,00.

Os trabalhadores situados acima do nível 457-A receberão de forma escalonada, de acordo com o seu posicionamento na tabela salarial. A empresa garante o pagamento de no mínimo 1,96 remuneração para cada trabalhador e mantém a mesma relação piso-teto do ano passado, ou seja, 2,5 vezes. É importante lembrar que será descontado destes valores propostos pela Petrobrás o adiantamento da PLR pago em janeiro a todos os trabalhadores.

A proposta foi encaminhada à subseção Dieese da FUP para avaliação econômica e está sendo também discutida pela FUP e seus sindicatos para que definam os próximos encaminhamentos.

2º Encontro Nacional de Blogueiros acontece de 17 a 19 de julho

Mais de 250 pessoas de todo Brasil já se inscreveram para o 2º Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas, que acontece de 17 a 19 de julho em Brasília. O processo preparatório ao evento nacional já realizou pelo menos 11 encontros estaduais, mobilizando quase mil e quinhentas pessoas de todo o país. Confira o vídeo que marca a primeira produção da TV Vermelho em alta definição (HD) e fique por dentro de todos os detalhes do evento.

Livraria Antonio Gramsci, do Núcleo Piratininga de Comunicação, será inaugurada nesta sexta-feira, 10

Para comemorar o seu segundo mês de existência, a livraria Antonio Gramsci, do NPC, convida amigas e amigos para um encontro festivo na sexta-feira, dia 10 de junho, a partir das 18h. A programação está sendo montada pela jornalista Jéssica Santos, do grupo Paiol Cultural.

Está confirmada a participação do ator Carlos Maia, do artista Eduardo Marinho, do rapper e coordenador da rádio Santa Marta, Fiell, dos músicos Alan e Ramon; dentre outras grandes figuras que povoam as ruas do Rio de Janeiro. Gente sem-terra, sem-teto, mas com alegria, inteligência e força. Jornalistas, educadores, historiadores, sindicalistas. Todos lutadores sociais, todos com muitas ideias e muita vontade de mudar a comunicação hoje hegemônica e, sobretudo, toda a estrutura da sociedade. Gente de esquerda. Gente que tem em comum a paixão de mudar o mundo.

Fonte: NPC



 

Este é um espaço reservado para denúncias de práticas antissindicais, assédios e ataques a direitos.

JP no Twitter

Estatísticas

  • 150,296 hits